Brasil

Apagão: racionamento de energia pode acontecer logo no país

A revista Veja desta semana traz reportagem sobre racionamento de energia que deve acontecer, principlamente, no sudeste do país. A falta de chuvas deixou o reservatório de água da usina hidrelétrica de Furnas, uma das principais fontes de eletricidade da Região Sudeste, em seu nível mais baixo desde 2001. A represa, que banha 34 municípios no sul de Minas Gerais, está com apenas 12% de sua capacidade.

O nível da água se encontra a 753,4 metros acima do nível do mar, 14,6 metros abaixo de seu máximo e apenas 3,4 metros acima do mínimo necessário para que a usina opere normalmente. Todas as nove réguas verticais usadas para medir a capacidade da represa estão expostas, fora d’água. A situação já é tão dramática quanto a de outubro de 2000. Se agora, com o início do verão, as chuvas não se intensificarem na bacia do Rio Grande, ficará comprometida a geração de energia de um total de doze usinas.

A estiagem não afetou apenas Furnas. No seu conjunto, os reservatórios das regiões Centro-Oeste e Sudeste estão com 30% de sua capacidade, o nível mais baixo em mais de uma década. A estação mais úmida do ano, nessa região, começa em dezembro e termina em abril, mas as chuvas costumam chegar já nos meses de setembro e outubro.

Foi o que ocorreu em 2011, mas não se repetiu neste ano. Modelos estatísticos utilizados pelo Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS), a entidade responsável pelo controle da operação de geração e transmissão de energia, estimam que, se as chuvas vierem na intensidade prevista para os próximos meses, os reservatórios do Centro-Oeste e do Sudeste voltarão a se encher e chegarão ao período de seca com 68% de sua capacidade.

Mas como ter certeza? O país, mais uma vez, dependerá do imponderável da meteorologia. Em 2000, por exemplo, não choveu o suficiente e o racionamento fo inevitável.

Deixe o seu comentário no Verdade Gospel.

Fonte: Veja

7 comentários

  1. Gustavo disse:

    até os iluminatis vâo cair por terra em nome de JESUS,
    com relação ao país não sou pessimista mais só vejo
    caminhando pra trás ex: a violência que só aumenta
    a corrupção, a imundice de todas as formas a educa-
    ção, os investimentos, o salário mínimo dos aposentados
    quanta pessoas morrem de fome nesse país e ninguém
    faz nada, com relação a saúde as pessoas fica nos
    hospitais sofrendo, tudo isso é horrível, só JESUS pra
    socorrer as pessoas, DEUS abençoe a todos, amém.

  2. Mario Luiz disse:

    Precisa-se trabalhar melhor quanto a questão de captação de energia eólica no Brasil. E VAMOS ESTAR ORANDO POR ISTO, PARA QUE DEUS VENHA PROVER ESTA NECESSIDADE PARA NOSSA NAÇÃO, POIS NADA É IMPOSSÍVEL PARA DEUS!!!!!!!

  3. HUMMMbertoh disse:

    Segundo a Bíblia, Deus, o Criador de todas as coisas, mantém sob seu controle tudo o que Ele criou. Todos os acontecimentos no universo inteiro é administrado por Ele. Satanás só pode agir se obtiver permissão divina. A Presidente Dilma foi Ministra da Energia, mas parece que não conhece essa área, não fez previsão das adversidades, confiando na sorte. Deus pode punir as nações por causa das iniquidades de seus governantes.

  4. Carla disse:

    Xiiiii, vou comprar logo luminárias de emergência e velas porque ficar no escuro não dá. Pior é ter que aguentar o calor sem ventiladores.

  5. TEMOS QUE CONFIAR EM JESUS, PORQUE EU CREIO QUE EXISTEM OS ILUMINATIIS OS SENHORES DO MUNDO!!!

  6. DANIEL/IURD disse:

    ..recentemente foi dito que o Brasil sofrerá com apagões porque é muito caro expandir as linhas de transmissão, se é assim, como chegaremos a um país pleno em desenvolvimento?Se falta água para novas usinas então devemos ampliar instalações nucleares. A verdade é que, no Brasil há dinheiro para roubo e outras falcatruas, agora para investimentos nada..

  7. DANIEL/IURD disse:

    Quanto tudo vai bem os “intelectuais” e defensores da natureza aparecem na mídia, dizendo que isso gera impacto, que aquilo ali não pode etc. Agora quando a situação cai no colo deles a coisa fica diferente. Contruir novas usinas elétricas causa transtornos a muitos, mas é essencial para o desenvolvimento, construir usinas nucleares é perigoso, mas é uma saída. Devemos escolher o melhor meio de o país suprir sua necessidade de energia…

Comentários encerrados.