Brasil

Associação de juízes divulga nota de desagravo a Barbosa; leia na íntegra

Imagem: Reprodução/Reprodução FolhaA Associação Nacional dos Magistrados Estaduais (Anamages) divulgou nota pública de desagravo ao presidente do Supremo Tribunal Federal, ministro Joaquim Barbosa, em razão da provocação do vice-presidente da Câmara Federal, André Vargas (PT-PR).

Leia também: Ministério Público apura possível ‘lavagem de dinheiro’ em doações a petistas; entenda

O parlamentar repetiu na sessão de reabertura dos trabalhos do Congresso o gesto de erguer o punho cerrado – assim como fizeram o ex-presidente do PT José Genoino e o ex-ministro José Dirceu, quando se entregaram à Polícia Federal.

Para o juiz de direito Antonio Sbano, presidente da Anamages, Vargas não ofendeu apenas o ministro, “mas toda a Nação brasileira, eis que o poder de julgar é atribuído aos magistrados pela vontade soberana do povo”.

Leia a manifestação na íntegra: 

NOTA PÚBLICA

DESAGRAVO AO EXMO. SR.MINISTRO JOAQUIM BARBOSA 

PRESIDENTE DO SUPREMO TRIBUNAL FEDERAL. 

A ASSOCIAÇÃO NACIONAL DOS MAGISTADOS ESTADUAIS – ANAMAGES, vem a público externar sua insatisfação pela falta de decoro e de respeito ao PRESIDENTE DO SUPREMO TRIBUNAL FEDERAL, em razão da conduta antiética do Exmo. Sr. Deputado Federal André Vargas (PT-PR) durante a solenidade de abertura do ano legislativo. 

A Constituição da República acolheu a tripartição de Poderes, atribuindo aos Chefes do Poder Executivo, do Poder Legislativo e do Poder Judiciário o mesmo status de mandatários da Nação. 

Se o ilustre Deputado, como publicamente tem se manifestado, discorda do julgamento da AP 470, popularmente chamada de processo do mensalão, é um direito seu. Mas, o seu entendimento pessoal, não o autoriza a afrontar a honra e dignidade do Presidente da Suprema corte brasileira, em Sessão Solene na Casa Legislativa. 

Ao se colocar de punho cerrado, gesto de contestação e insatisfação dos condenados na referida ação penal quando foram presos, S. Exa. não ofendeu apenas e tão só o Sr. Ministro Joaquim Barbosa, um dos julgadores, mas toda a Nação brasileira, eis que o poder de julgar é atribuído aos magistrados pela vontade soberana do povo, através das normas votadas pelas Casas Legislativas. 

Não se diga, como o fez o Ilustre Deputado: “O ministro está na nossa Casa. Na verdade, ele é um visitante, tem nosso respeito, mas estamos bastante à vontade para cumprimentar do jeito que a gente achar que deve”. 

O Congresso Nacional, o Senado a República e a Câmara dos Deputados não pertencem a um partido ou a alguma pessoa, mas sim ao povo brasileiro e devem ser tratados como um santuário da democracia, da diversidade de pensamentos e de ideias. 

A independência e harmonia entre os Poderes da República somente serão efetivamente respeitados se o protocolo e a fidalguia imperarem. 

O Plenário não é palco ou palanque eleitoral, nem pode admitir condutas contrárias ao decoro parlamentar e à regras mínimas de educação e convivência. 

Como cidadão e fora dos limites da casa do Povo, o Sr. Deputado pode se manifestar como bem entender, assim como qualquer outro cidadão, arcando, por óbvio, com as responsabilidade por eventuais ofensas à honra. Contudo, enquanto Parlamentar, tem o dever de se haver com lhanura e fidalguia, máxime quando recebe, junto com seu colegiado, o Chefe de outro Poder. 

Ao Ministro Joaquim Barbosa apresentamos nosso desagravo, com a certeza de que S.Exa. não se deixará abalar pelo incidente e que continuará conduzir o julgamento dos recursos com INDEPENDÊNCIA e LIVRE DE PRESSÕES, honrando a toga e a magistratura brasileira. Ao bom Juiz não importa o resultado de um julgamento, pressões de grupos ou a vontade pessoal de quem quer seja, mas sim A REALIZAÇÃO PLENA DA JUSTIÇA. 

Brasília, 04 de fevereiro de 2.014

Antonio Sbano

Deixe o seu comentário no Verdade Gospel.

Fonte: Folha

55 comentários

  1. Leandro disse:

    Uma vergonha um politico do Estado do Paraná fazer isso, mais um que não ganha meu voto!!!

  2. Edmilson nogueira disse:

    Força ministro, estamos com vc.

  3. Carlos ferreira disse:

    Esse Bozo é um Bozo mesmo o desinformado NÃO foi o Jaquim Barbosa que determinou o caasamento gay nos cartório foi o conselho nacional de justiça orgão regulador e guardião da ética na justiça mas esta sendo questionado no legislativo porque não compete ao conselho decidir isso e sim ao legislativo

  4. Marinaldo disse:

    Só poderia ser do PT.

  5. Alberto disse:

    Tô falando que a questão da médica tinha coisa do rabo do DEMO. A Folha, hoje, revela o suficiente da história para que compreendamos que, como disse Janio de Freitas, esta história “vá dar rumba”. A direita vai querer a qualquer custo retomar o executivo nacional. O fim vai justificar os meios.

  6. Alberto disse:

    osvaldo, ainda bem que não será seu grito raivoso, como a de um cão afetado, é que vai decidir os rumos do Brasil. E pra seu conhecimento e de toda direita descomportadinha como vc, a Dilma só que cresce nas pesquisas. Aliás ate a trama do DEMO Caio com a médica cubana apaixonada não colou.

  7. osvaldo disse:

    O pt esta destruindo o Brasil precisamos urgentemente da um fora dilma,fora pt.

  8. BOZO disse:

    porém o Ministro joaquim barbosa, presidente do CNJ, legislou e com uma canetada determinou que todos os cartórios do país realizassem o tal de casamento gay, parece que essa associação esqueceu que o Poder Judiciário não pode legislar

  9. Romulo Elias disse:

    Os COMUNAS são assim mesmo. Acham que podem passar por cima de tudo. O Brasil não é do PT! Basta agora o povo mostrar isto nas urnas, Principalmente os cristãos.

    “O Congresso Nacional, o Senado e a Câmara dos Deputados não pertencem a um partido ou a alguma pessoa”
    PT Nunca mais! FORA Dilmá

  10. Evangelista Gregorio disse:

    ASSOCIAÇÃO NACIONAL DOS MAGISTADOS ESTADUAIS .E AO JOAQUIM BARBOSA QUE ESTA NOS DANDO ESPERANÇA DE QUE A JUSTIÇA FINALMENTE FUNCIONE.
    BOM SERIA SE O MINISTRO JOAQUIM FOSSE CANDIDATO A PRESIDENTE DA REPUBLICA, TERIA MEU VOTO E MEU EMPENHO EM SUA CAMPANHA

  11. Evangelista Gregorio disse:

    ESSE DEPUTADO ACHA BONITO O GESTO DOS BONDOSOS E “SANTOS” MENSALEIROS, E POR ISSO FAZ O MESMO. INFELIZMENTE É DESSE TIPO QUE ESTAMOS SENDO REPRESENTADOS. PT E PSDB JÁ NOS MOSTRARAM QUEM SÃO NO PODER. NO GOVERNO DESSES DOIS PARTIDOS NÃO HOUVE NENHUM PROJETO DE COMBATE A CORRUPÇÃO, NESTE PERÍODO O ÚNI

  12. Rogério Souza disse:

    O PT AFRONTA A TODOS SEJA SUPREMO SEJA CAMARA SEJA SENADO BRASILEROS E BRASILEIRAS PARTIDO DITADOR NAZISTA PENSAM QUE VAI DOMINAR O MUNDO A HORA DO PT VAI CHEGAR DEUS TA NO COMANDO…

  13. Marcio Pedro da Silva disse:

    Querem tirar a credibilidade do Barbosa, só por que contraria os interesses de um determinado partido.Cabra macho!

  14. ANA LÚCIA MENEGHELLI OLIVEIRA disse:

    Infelizmente há muito se foi o respeito nesse país…Vargas só mostrou mais um pouco do que toda cambada do seu partido e outros que os apoiam são capazes, só não nos calaram até agora porque HÁ um DEUS que cuida dos seus porque desejo eles tem e muito. Que Deus proteja o presidente do STF!

  15. Renato Batista disse:

    Por mais simples que seja um gesto ou um símbolo, o que pesa é a história que está por trás. Lembram-se do símbolo e do cumprimento nazista? Então, parece simples, mas significa genocídio, crueldade, preconceito racial. O povo brasileiro precisa acordar e protestar contra essas palhaçadas.

Comentários encerrados.