Brasil

Criança de 2 anos acorda e pede água em seu próprio velório

Uma criança de dois anos acordou, sentou no caixão e bebeu um copo de água durante seu próprio velório no sábado (2), em Belém, segundo parentes e pessoas presentes no local. Depois disso, o menino Kelvys Simão dos Santos foi levado para o hospital, mas chegou morto.

A Polícia Civil do Pará investiga se houve erro médico na declaração da “primeira morte”, mas, na ilha de Cotijuba, em que o fato ocorreu, há quem diga que foi um milagre ou algo sobrenatural. Havia cerca de 50 pessoas no velório.

Kelvys foi internado em um hospital estadual com febre e falta de ar na sexta-feira (1). À noite, o hospital constatou a morte da criança. A declaração de óbito aponta como causa da morte insuficiência respiratória, broncopneumonia e desidratação.

As cavidades de seu corpo foram tamponadas e Kelvys foi colocado em um “lençol de cadáver”, que é uma espécie de saco plástico, para depois ser levado à funerária.

Segundo o hospital, ele passou cerca de três horas sem poder respirar. A família, porém, diz que retirou os algodões de suas narinas e boca e abriu o saco plástico.

Durante o velório, segundo a pastora Maria Raimunda Batista, ele “estava se mexendo o tempo todo”.

O pai do menino, o agricultor Antônio dos Santos, diz que por volta das 14h as pessoas presentes começaram a fazer massagem cardíaca no menino, até que ele cuspiu restos de algodão que haviam sido colocados em sua boca.

Logo depois, diz, o menino sentou no caixão e disse “Pai, água”.

“O povo entrou em pânico, a avó dele desmaiou. O pai e a mãe ficaram muito felizes”, disse a pastora. O menino foi levado ao hospital imediatamente, segundo o pai, mas já chegou morto.

Investigação

O pai do menino acredita que a criança reagiu aos medicamentos que haviam sido dados no hospital na tentativa de ressuscitá-lo depois que o óbito já havia sido declarado, e por isso acordou no velório.

A direção do hospital afirmou, em nota, que só será possível esclarecer o episódio caso o corpo da criança seja exumado.

De acordo com a Polícia Civil, a depender dos depoimentos colhidos na fase preliminar da investigação pode ser determinada a abertura de inquérito e feito o pedido de exumação.

O hospital deixou a investigação a cargo da polícia. “Se a criança estivesse viva, ela não ia aguentar ficar tanto tempo tamponada. Por isso que achamos estranho e queremos também uma explicação”, afirmou a diretora do Hospital Regional Abelardo Santos, Vera Cecim.

Qual é a sua opinião sobre essa matéria? Registre o seu comentário no Verdade Gospel.

Fonte: UOL

61 comentários

  1. Joel Alves de Araujo disse:

    Este caso vai dar muito pano para manga a nível de sindicancia de responsabilidade médica. Que parametros de anamnese clínica foram utizados para atestar o óbito desta criança? Certamente esta criança não teve morte cerebral. Que condição patológica pode simular a morte a ponto de confundir o médico? Não creio que haja algum tipo de resposta alem do processo fisiológico; pelo relato há indício de que se houvesse uma outra conduta médica e terapeutica de emergencia esta criança estaria viva…

  2. EVANDECI disse:

    CATALEPSIA É O NOME DA DOENÇA, Q CAUSA A FALSA MORTE,DEIXANDO ASSIM O DOENTE SEM RESPIRÁ E O CORAÇÃO TBM PARA.ESSA É A FALSA MORTE.

  3. EVANDECI disse:

    DEUS PERMITIU,POIS É O DONO DA VIDA,ELE TIRA E A DAR NOVAMENTE.DEUS É O DEUS DO IMPOSSÍVEL.ELE É MESMO TREMENDO.E O HOMEM EM SI FICA PROCURANDO EXPLICAÇÕES.

  4. maciel disse:

    Lembrei agora que certa vez minha mãe me falou que antigamente nao se enterrava pessoas com parada cardíaca menos de 24 hrs exatamente por esse motivo, havia casos que algumas voltavam a respirar e isso nao era fiquição casos reais mesmo. isso tem um nome cietifico que pena que esqueci rsrsrsrsrs agora. abraço

  5. gleides disse:

    eu acho que tudo isso nao passa de uma falta de respeito e humanidade com o nosso povo.na minha opiniao teria que haver mais atençao e dedicaçao.DEUS conforta os coraçoes dos paiz e familiares.

  6. Leonardo Loureiro dos Santos disse:

    imprecionante…não consigo entender oq ouve…

  7. Edson Galdino disse:

    Creio que foi negligência médica. A saúde pública no Brasil vai de mal a pior. Os médicos usam os pacientes como cobaias. Concordo que em hospital particular o caso seria tratado de outra maneira, pois enfrentariam tribunais, havendo negligência médica.

  8. Herbeth disse:

    É verdade q td tem um propósito, mas nesse caso acredito que os medicamentos fizeram efeitos naquele momento, pois o menino não está mais vivo, nem td o q acontece nesse sentido significa sobrenatural, é claro q acredito q por milagres pessoas possam ter uma nova vida para algum propósito.

  9. Paulo disse:

    Que o Espirito Santo possa consolar os corações que compõem esta familia, Deus sabe de todas as coisas nada acontece em nossa vida por acaso tudo tem um propósito.

  10. Adler Carvalho da Silva disse:

    Descaso com a saúde pública.

  11. Ednaldo disse:

    TE LIGA RENATO !!!! : A CRIANÇA MORREU OUTRA VEZ , APÓS CHEGAR AO HOSPITAL !

  12. Fábio disse:

    Nossa Jesus, isso só Deus pode explicar minha gente.
    ai a familia que deve ter ficado muito abatida, mas Deus dara forças abraços.

  13. John disse:

    Neste mundo alguns vivem em constante aflição enquanto outros se deleitam em luxo e prazer. Pior ainda os que prometem aos desafortunados a solução dos seus males, e até o paraíso, mediante mais sacrifícios. Isto é: “TODO CASTIGO PRA CORNO É POUCO !” – Já diziam Macedo, Panceiro e Clodomir.

  14. Agostinho Reis disse:

    Antes que digam que é milagre Jesus não fas milagre pela metade se fosse ele não teria morrido.

  15. Natan disse:

    Algo diferente ouve agora me digam a investigação policial tinha que começar logo quando ele voltou para o hospital!
    Que historia é essa de exumação do corpo pra se investigar perdeu tempo

  16. Erica disse:

    Isso e serio vamos deixar de espiritualisar tudo,isso foi com certeza uma grande fatalidade se comprovado CATALEPCIA ou não é de se admirar negligencia medica.
    Deus conforte o coração dessa familia e de tantas outras que passam por casos semelhantes.

  17. FELIPE disse:

    luiz gonzaga, achei muito bonito seu comentário, parabéns,

  18. FELIPE disse:

    renato, leia melhor a materia, a criança faleceu.

  19. Leo disse:

    Só por que a criança morreu, não foi milagre?? Aff

    Se for assim, então, não existem milagres!!

    Por exemplo:

    Vc doente, pede cura a Deus, depois fica doente de novo!!

    É, não existem milagres!!

  20. ADENILTON disse:

    ô lucas !!!!vc tá de brincadeira,né?seja hospital publico ou particular,a saúde tá um lixo no Brasil todinho!!
    e nesse caso a irresponsabilidade vai do hospital,passa pelo necrotério e chega até no cemitério !!! todos tem culpa desse lamentável fato!!!!

  21. MARYAUXI disse:

    Possivelmente erro médico. A saúde no Brasil, tanto como a educação são uma tragédia. É o maior engano acreditarmos em um Estado provedor de saúde e todas as necessidades. Isso tem se mostrado dramaticamente trágico na historia da humanidade. Um Estado social é inviável,principalmente em um país onde a corrupção é tragicamente corriqueira. Nunca confiem nos hospitais!

Comentários encerrados.