Brasil

Dono da JBS reconhece pagamentos indevidos e pede desculpa a brasileiros

Em nota, o empresário reconhece pagamento de suborno e pede desculpas

Em nota, o empresário reconhece pagamento de suborno e propinas e pede desculpas

O empresário Joesley Batista, um dos donos do grupo J&F, holding que controla o frigorífico JBS, divulgou nesta quinta-feira (18)  uma nota em que admite pagamentos indevidos a agentes públicos e pede “desculpas a todos os brasileiros” pelas relações de suas empresas com autoridades. O documento foi apresentado horas após a divulgação do áudio de conversa entre o empresário e o presidente da República, Michel Temer. A informação é da ‘Agência Brasil’.

“Não honramos nossos valores quando tivemos que interagir, em diversos momentos, com o Poder Público brasileiro. E não nos orgulhamos disso. Nosso espírito empreendedor e a imensa vontade de realizar, quando deparados com um sistema brasileiro que muitas vezes cria dificuldades para vender facilidades, nos levaram a optar por pagamentos indevidos a agentes públicos”, diz o empresário.

Em áudio de cerca de 40 minutos divulgado pelo Supremo Tribunal Federal, Temer e Batista conversam sobre o cenário político, os avanços na economia e também citam a situação do ex-deputado Eduardo Cunha, preso na Operação Lava Jato.

Na carta, Batista ressalta que o país mudou e suas empresas também, segundo ele. “Por isso estamos indo além do pedido de desculpas. Assumimos aqui um compromisso público de sermos intolerantes e intransigentes com a corrupção”.

O empresário confirma no texto que foram assinados acordos de cooperação com Ministério Público. “Pedimos desculpas a todos os brasileiros e a todos que decepcionamos, que acreditam e torcem por nós. Enfrentaremos esse difícil momento com humildade e o superaremos acordando cedo e trabalhando muito”, conclui o empresário.

Deixe o seu comentário no Verdade Gospel.

Fonte: Agência Brasil

10 comentários

  1. Roberto Machado Brandão disse:

    primeiro corrompem a todos para levar vantagens, depois se sentem extorquidos e resolvem delatar, e saem impunes como se estivesse fazendo um favor para a nação, São todos ladrões , e deveriam ser presos, em quartel Militar numa ilha qualquer, porque roubaram a nação, eles e os 3 presidentes do país

  2. Que empreendedores são voces com dinheiro público isto é nosso e fácil quero ver é suar a camisa e queimar a pestana e dar conta do recado,porque empresário serio que trabalha duro não tem tempo e nem dinheiro para corromper políticos.

  3. Alexandre Pedro Meneghini disse:

    Um canalha pedindo desculpa aos brasileiros que ele roubou. Ele está vivendo nababescamente em Nova York, com o dinheiro que tirou da educação, saúde etc…Vai pagar uma multa de R$ 250 milhões a fisco americano e vai ficar livre, rindo de nós, do Temer, da Dilma, do Lula, do Aécio, etc…

  4. Jane Siqueira disse:

    É so a gente não consumir mais os produtos da JBS e a justiça terá sido feita. Afinal tudo isso é nossa culpa também.

    1. Herman Joao Froeder Neto disse:

      Perfeito, Jane! Mas nós somos um país de bananas(e das nanicas!), gostamos de ser ludibriados e roubados. Nossa consciência de cidadãos está abaixo de zero. Qquer marketing nos enganbela facilmente, somos ovelhas ao matadouro. Alás, é dessa burrice que os populistas se alimentam.

  5. julio chaves regis disse:

    Não acredito mais nesse país. No Brasil o crime na política COMPENSA! No máximo esses bandidos vão ficar sem se eleger e serão taxados como corruptos, mas, não vão ficar nem dois 2 na cadeia e não irão devolver nem 50% do q roubou. Deveriam ficar 30 anos na cadeia e falidos financeiramente.

  6. Wilson Bispo Santos disse:

    Pedir desculpas é pouco…O mais correto seria devolver aos cofre públicos o equivalente aos danos causados com os empréstimos do B N D S, e com certeza tem outros!!!

  7. Leandro disse:

    carne podre,e agora propina!?besta é quem compra friboi!

  8. Herman Joao Froeder Neto disse:

    cont 1… de fato, um bom cidadão nem teria participado dessa maracutaia toda. Esse cara é mais um rato de porão de navio. Traidor do povo brasileiro. E não falo isso porque atingiu o Temer, o Aécio e outros, Falo da mesma forma que falei quando denunciaram a tropa do pt: são maus patriotas que, juntamente com os seus agregados políticos, têm que ir pra lata de lixo da história.

  9. Herman Joao Froeder Neto disse:

    Esse camarada não passa de um grande salafrário. Mas um! Enquanto mamava nas tetas e se enriquecia ‘a custa de juros subsidiados pelo BNDS, proporcionados por Lula e Dilma, estava tudo bem. Agora que a fonte secou, vem dar uma de santinho e bom patriota? Vai enganar seus parentes, idiota! Se fosse,

Comentários encerrados.