Brasil

Em ofensiva jurídica, Michel Temer vai à casa de Cármen Lúcia

A ofensiva do presidente da República deve se estender a outros ministros do Supremo

A ofensiva do presidente da República deve se estender a outros ministros do Supremo

O presidente Michel Temer visitou neste sábado (10) a presidente do STF (Supremo Tribunal Federal), Cármen Lúcia.

O encontro ocorreu na casa da ministra, em Brasília, e foi feito a pedido do presidente, que telefonou para ela durante a semana para pedir a reunião.

Na saída do encontro, Temer disse que ambos trataram sobre segurança pública e sobre a intervenção no Rio de Janeiro. “A ministra vai colaborar enormemente com essa questão em todo o país”, disse.

A visita faz parte de estratégia do presidente para que seja reconsiderada a inclusão de seu nome em inquérito para apurar repasses da Odebrecht ao MDB em 2014.

Segundo a reportagem apurou, o presidente marcou o encontro com Cármen Lúcia com o objetivo de apresentar argumentos contrários à investigação do seu nome.

Na saída do encontro, perguntado se trataram do assunto, ele negou. “Não foi tratado nada disso”, disse.

O argumento de Temer, que ficou irritado com a inclusão de seu nome, é de que um presidente em exercício não pode ser investigado por acontecimentos anteriores ao mandato.

A tese, contudo, foi questionada pela procuradora-geral da República, Raquel Dodge, que pediu a inclusão do emedebista na investigação. A solicitação foi acolhida pelo ministro Edson Fachin, do STF.

Nesta semana, ele enviou carta a Dodge, na qual apresenta tese do jurista Ives Gandra Martins sobre a impossibilidade de investigação de fatos anteriores ao mandato.

A ofensiva de Temer deve se estender a outros ministros do Supremo. O assunto foi tratado na sexta-feira (9) pelo presidente com seu advogado, o criminalista Antônio Mariz.

Nas últimas semanas, Temer tem ensaiado uma reaproximação com Cármen Lúcia. Em evento de aniversário da AGU (Advocacia-Geral da União), ele a chamou de “amiga” e se lembrou do tempo em que foi seu professor de direito.

Ele também a convidou para partir de encontro com governadores do país, no Palácio do Planalto, para discutir segurança pública.

A relação de ambos passa por idas e vindas desde o ano passado, e o distanciamento se agravou após a ministra ter tomado decisões judiciais contrárias ao Palácio do Planalto.

Leia também: Após quebra de sigilo, Temer viaja para analisar dados bancários com aliados

Deixe o seu comentário no Verdade Gospel.

Fonte: Notícias ao Minuto e Folhapress

11 comentários

  1. Mauro Dias disse:

    EM PAÍSES SÉRIOS NÃO EXISTEM CHEFE DE ESTADO CORRENDO ATRÁS DE MINISTROS DE JUDICIÁRIO E MINISTÉRIO PUBLICO PRA OBTER FAVORES PRA SE SAFAR DE INVESTIGAÇÕES QUE O COMPROMETEM ARQUITETANDO SAÍDA PRA NÃO SEREM PUNIDOS E VERGONHOSO SE ESSA VIRTUDE ELES TIVEREM NA SUAS CARAS…….

  2. Manoel disse:

    “os rumos do Brasil estão mudando para o fundo do poço. 14 milhões de desempregados” Fundo do poço nada mais é do que a derrota dos pessimistas; 14 milhões de desempregados, esse foi o abacaxi deixado pela gestão PT.

  3. Aílton disse:

    “ofensiva jurídica”? Isso é uma pouca vergonha isso sim. Onde já se viu o bandido ir na casa do juiz discutir a maneira como quer ser investigado/? Esse país é uma lástima, uma republiqueta de quinta categoria.

  4. Rogner disse:

    Não adianta ficarmos somente lambendo feridas feitas em nosso Brasil por pessoas que colocamos lá pra governar o que precisamos e primeiro nós não sermos corruptos mentirosos e sem pensar no próximo, se mudarmos isso em nós brasileiros primeiramente, ai sim por si só teremos governantes leais justos

  5. JORGE SANTANA disse:

    NAS ELEIÇÕES DE 2018 INVESTIGUEM A IDEOLOGIA PARTIDÁRIA NO CANDIDATO QUE VOCÊS IRÃO VOTAR.OS PTRALHAS,ESQUERDOPTAS,INTELECTUAIS PTRALHAS E COMUNISTAS SÃO TUDO FARINHA DO MESMO SACO.QUEREM DESTRUÍREM A FAMÍLIA TRADICIONAL CRIADA POR DEUS,SÃO DEFENSORES DA IDEOLOGIA DE GÊNERO,GAYS,ABORTO,DROGAS E ETC.

  6. JORGE SANTANA disse:

    NÃO VAMOS MUDAR O FOCO NO CHEFÃO DA MAIOR QUADRILHA DA HISTÓRIA DO PAÍS,LULA E SEUS COMPARSAS:CUT,DIRCEU,PALOCCI,GLEISI,DILMA,SEUS FILHOS,IRMÃO,SOBRINHO QUE FICARAM MILIONÁRIOS AS CUSTAS DA MAIOR ROUBALHEIRA DA HISTÓRIA REPUBLICANA.ATÉ GARÇON E SEGURANÇA.É UMA VERGONHA.AINDA TEM O MST SANGUESSUGAS.

  7. JORGE SANTANA disse:

    INFELIZMENTE,TEMOS NO BRASIL PTRALHAS COMO CARLOS TENÓRIO.OS 14 MILHÕES DE PAIS DE FAMÍLIA DESEMPREGADOS,A DESTRUIÇÃO DA PETROBRAS,COM O PETROLÃO DE LULA,O CHEFÃO DA MAIOR QUADRILHA DO PAÍS,DILMA,DIRCEU,GLEISI,ELETROLÃO,PASADENA,MENSALÃO,BELO MONTE,BNDES,FUNDOS DE PENSÃO.LEGADO DEIXADO POR LULA,PT.

  8. Marcelo Jesus disse:

    SE FOSSE ALGUÉM DO PT ESTAVAM PEDINDO A CABEÇA.

  9. Aluzair Junior disse:

    O “presidente”, com “p” minúsculo mesmo, está ficando desesperado e ainda acha que somos idiotas em acreditar que ele foi somente tratar de segurança pública com a ministra Carmen Lucia… Quem não deve, não teme!!! ou seria, NÃO TEMER???

  10. João Guilherme disse:

    Presidente Temer, eu não sei porque todo esse seu pavor por causa do seu nome ter sido incluído nessa investigação, o senhor já esqueceu o dito popular que diz “quem não deve não teme”, se o senhor não deve nada pra Justiça porque todo este pavor. Será porque os rumos do Brasil está mudando?

    1. Jão,os rumos do Brasil estão mudando para o fundo do poço. 14 milhões de desempregados+outros milhões de subempregados(ambulantes) e 40,5% dos trabalhadores com dívidas vencidas. Rasgaram a CLT,querem desmontar a previdência,e vem aí o aumento de impostos.Tudo recaindo nas costas dos trabalhadores!

Comentários encerrados.