Brasil

MPF cobra governo sobre empréstimos do BNDES para Cuba

Os presidentes Dilma Rousseff e Raul Castro se encontrarm em Cuba

Os presidentes Dilma Rousseff e Raul Castro se encontraram em Cuba

O Ministério Público Federal (MPF) recomendou ao Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior (MDIC) que torne públicos documentos referentes a financiamentos externos. Em 2014, o MPF instaurou uma investigação para apurar possíveis irregularidades no financiamento do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) para a construção de um porto em Cuba. De acordo com o MPF, o ministério foi acionado porque acompanha e autoriza essas negociações. O órgão tem agora um mês para indicar como atenderá à recomendação – se isso não for feito, o MPF pode entrar com uma ação na Justiça para pedir o cumprimento do pedido. Em resposta, o MDIC disse que responderá dentro do prazo estabelecido.

Leia também: BNDES destinará US$ 150 milhões para reformas de aeroportos em Cuba

O MPF conseguiu uma decisão judicial em 1ª instância, obrigando o BNDES a dar publicidade aos documentos envolvendo o porto de Cuba, mas o banco recorreu da determinação, que está suspensa. “Na esfera pública, a publicidade e a transparência devem ser a regra; o sigilo, a exceção”, explica o procurador da República, Anselmo Henrique Cordeiro Lopes. “Recomenda-se ao MDIC que, em vez de decretar o sigilo integral dos documentos, promova sua devida publicidade restringindo a publicidade e o conhecimento público somente das palavras, expressões e símbolos cujo resguardo seja essencial à proteção da segurança do Estado ou da sociedade”, detalha a recomendação enviada ao órgão. Procurado, o MDIC ainda não comentou o caso.

Porto

A maior parte do Puerto de Mariel, em Cuba, foi bancada pelo BNDES. O banco de fomento financiou 682 milhões de dólares do projeto, cerca de dois terços do valor total estimado para o porto (957 milhões de dólares). Questionado sobre os benefícios para o país dos empréstimos do BNDES ao governo cubano, em janeiro do ano passado, o então ministro de Desenvolvimento, Indústria e Comércio, Fernando Pimentel, disse que Cuba estava em fase de transição rumo a uma economia de mercado e que, quando isso acontecer, o Brasil poderia se beneficiar do apoio oferecido à ilha.

Leia tambémPastor revela detalhes da perseguição aos cristãos em Cuba

Deixe o seu comentário no Verdade Gospel.

Fonte: Veja

8 comentários

  1. O governo do PT deve ser investigado a fundo, em todos os sentidos. Tudo nesse governo é uma caixa de surpresas. Com certeza esses empréstimos são tudo fachada.

  2. Maurício jr disse:

    Se investigar o bnds vai aparecer tanta PODRIDÃO que o mundo nunca viu COISA IGUAL. O MPF deveria fazer sim pois o pt de lula e dilma estão ROUBANDO o banco pra levar pra cuba, parece até que o nosso país está tudo em ordem como saúde educação segurança etc. CORRUPTOS COMUNISTAS LADRÕES SAFADOS

  3. Reinaldo disse:

    Quem executou as obras no porto de Cuba não foi uma empresa brasileira?

  4. Percio Dainese disse:

    Copletando meu comentário, não sabe votar, ainda em véspera de eleições se vende por uma dentadura francamente o que se pode esperar isso que esta ai, O povo tem o governo que merece.

  5. Percio Dainese disse:

    Infelizmente num pais de 10 milhões de analfabetos, e sem o mínimo de cultura, que e interessante para o governo, ´pois assim pode manipular a boiada, e fazer com que esse povo acreditar que o governo do PT, e o melhor do mundo,porque da uma esmola aos pobres, promessas que não cumpre e(mentiras).

  6. JUAN CARLOS disse:

    O BNDES ,O PT E A DILMA TEM MUITO QUE ESCLARECER, INVESTIR DINHEIRO NO QUINTAL DOS OUTROS , NÓS MOSTRA A MENTALIDADE INSANA DESTE GOVERNO, QUAL O INTERESSE ? INVESTIR NO BRASIL QUE É BOM NADA, GENTE MEDILCRE NÃO DEVERIA VOTAR, DA NISTO. 13 ANOS DE CAGADA,CAGADA NÃO É PALAVÃO TÁ.

  7. Elias Rodrigues disse:

    O entao governador de Minas, nao era nesse periodo ministro do Desenvovimento, Industria e Comercio?
    sera que nao houvera caixa 2? superfaturacao nesses milhoes enviado a Cuba? Quem sabe esse dinheirinho o ajudou eleger o entao governador?
    ….

  8. Iteil Monteiro de Lucena disse:

    Não foi somente em Cuba que o BNDES investiu o dinheiro do contribuinte brasileiro não, segundo algumas matérias de alguns jornais foram mais de 540 Bilhões de reais investidos pelo BNDES em vários países,especialmente, em algumas ditaduras africanas. Aqui nos falta tudo educação,saúde,segurança etc

Comentários encerrados.