Gospel

Traduções da Bíblia já abrangem 2539 idiomas em todo mundo

Um relatório Mundial de Tradução de Escrituras, publicado pelas Sociedades Bíblicas Unidas (SBU) deu conta que bíblia já foi publicada em 2.539 diferentes idiomas.

O dado foi elaborado a partir informações coletadas no Museu da Bíblia da Sociedade Bíblica do Brasil (SBB) e pelo setor de Bíblias das SBU na Biblioteca da Universidade de Cambridge, na Inglaterra. Foram ao todo 1.241 novos Testamentos, 823 porções bíblicas e 475 bíblias completas.

As Sociedades Bíblicas de todos os países trabalham em parceria com instituições missionárias e tradutores para todos os anos ampliar os idiomas em que as Escrituras podem ser encontradas.

Ainda hoje existem países e povos que não possuem um único exemplar da Bíblia traduzido em seu próprio idioma. “Existem mais de 6,9 mil línguas no mundo e, portanto, há ainda inúmeras pessoas que não têm acesso à mensagem e aos valores bíblicos na língua que lhes fala ao coração”, diz Erní Seibert, secretário de Comunicação e Ação Social da SBB e responsável pela elaboração do documento.

Entre os continentes que lideram na quantidade de traduções está a África, com 743 idiomas. Em seguida vem a Ásia, com 619 e Américas, com 515 traduções. Já os países da Oceania somam 449 traduções e dos da Europa têm 210. Existem ainda as Sagradas Escrituras em idiomas construídos, como a Esperanto.

Além de mostrar publicações em primeira edição, o relatório ainda mostra o crescimento de novas edições. Segundo a SBB, o surgimento de novas edições revela o “esforço empreendido pelas organizações envolvidas de constante atualização da linguagem e melhoria das publicações”.

Nos últimos dois anos a bíblia foi publicada no Brasil pela primeira vez nos idiomas Nadëb, Parakanã e Tembé. Segundo informações da Sociedade Bíblica, no país existem 185 idiomas que abrangem 200 diferentes grupos étnicos entre indígenas e descendentes de imigrantes.

Fonte: The Christian Post

11 comentários

  1. Maria disse:

    Carlos Miguel,
    O importante é fazer o IDE do Salvador e não pregar gramática. Quando Ele disse ide e pregai o evangelho, não citou nada de como se deve pronunciar o Seu nome.
    Vc é judeu ou se interessa por judaismo?

  2. Maria disse:

    Na China, muitos chineses copiam a Bíblia manualmente e pregam com elas nas igrejas domiciliares que estão crescendo bastante. Aleluia!
    Aqui ni Brasil, podemos comprar as Bíblias do pastor Silas nos super-mercados e mesmo assim tem muita gente que não lê e que NUNCA leu a Bíblia. E tem muito crente que infelizmente faz o mesmo…

  3. Joilson Couto disse:

    Glória a Deus….

  4. vambrall disse:

    se fosse para chamar qualquer que seja . o senhor não teria feito os idiomas usados na terra

  5. vambrall disse:

    idiota asno

  6. vambrall disse:

    fica descaracterizando o nome de jesus

  7. Eudes G. Silva disse:

    Tudo em prol à obra é válido. Glória a Deus por tamanha tradução e temos o dever de espalhar em todas as línguas o Evangelho da Salvação. Toma frente Espírito Santo de toda tradução, de cada compreensão nas línguas diversas. Amém!

  8. Caco Fields - SP disse:

    Grande notícia! Atesta a própria palavra do Deus vivo, em que todos a conhecerão. Ora vem, Senhor Jesus!

  9. Sandro disse:

    E esse evangelho será pregado aos confins da terra, então virá o fim! Para o Senhor voltar a igreja tem que pregar o evangelho, pois é assim que o Senhor quer! Chegaremos lá!!!!!

  10. Pregador Wemerson Moreira disse:

    As profecias ja nos diz q nos ultimos tempos o Evangelho sera pregado por todo mundo!!!
    Não se assuste se pessoas começarem a desaparecer…é simplismente a volta do nosso Noivo!

  11. CARLOS MIGUEL TORRES disse:

    Pena que essas Bíblias, como as outras, não traduzem, corretamente, o nome original do Senhor e Salvador Yahushua (Jesus?) que, por ser nome próprio, aliás, não se devia traduzir, porém, se quiserem traduzir, devem ser fiel, pelo menos à fonética da palavra original, por exemplo: Yahushua seria Iarruchua, pois, essa é a fonética hebraica original. Veja um exemplo atual: o primeiro ministro israelense se chama Natanyaho e nós pronunciamos Nataniarru, tal como a pronúncia original hebraica.

Comentários encerrados.