Brasil

Vídeo: padre Fábio de Melo critica idolatria a Maria e gera polêmica

Imagem: DivulgaçãoO padre Fábio de Melo é uma das maiores lideranças católicas do Brasil. Sacerdote, escritor e professor universitário, com pós-graduação na área de educação, ele exerce uma grande influência na igreja católica. Embora muitas vezes suas posições não são exatamente o que poderia se esperar de um padre conservador.

Recentemente participou do programa Altas Horas da Rede Globo, causando polêmica ao defender a união civil de gays, fazendo uma distinção do casamento religioso. Para ele, “são duas coisas diferentes”.

Na última semana um vídeo de uma pregação do padre foi colocado na internet e rapidamente se tornou popular nas redes sociais. Suas declarações que não chegam a dois minutos, atingem em cheio um dos dogmas da Igreja Católica e motivo de divisão há séculos entre católicos e evangélicos.

Fábio de Melo se diz com medo de o cristianismo ser “nivelado por baixo” no país e “a devoção mariana fora do seu lugar, tomando o lugar o Cristo”. Ele fez um apelo para a mudança de mentalidade, asseverando: “É Jesus que nos salva. É Jesus que nos resgata. É Cristo que nos liberta”.

Entre os comentários das redes sociais estão diversas críticas de católicos. “Este padre está falando por si, ele não está representando bem a igreja católica!”, disparou a internauta Beatriz Franco. Por outro lado, foi comemorada por evangélicos: “Ainda falta muito … Mas isso já é um grande sinal que as orações dos crentes em favor dos padres já está fluindo diante do trono de Deus”, escreveu o internauta Jairo Mello.

Assista ao vídeo e deixe o seu comentário no Verdade Gospel.

Fonte: Gospel Prime

1.565 comentários

  1. Edileuza Paixão Meireles disse:

    Quem conhece a palavra de Deus não fecha os ouvidos, tampouco o seu entendimento pars a verdade irrefutável: Jesus é o caminho, a verdade e a vida, ninguém vai ao Pai a não ser por Ele. Valeu, Padre Fábio de Melo! Aguenta!!! Lembre-se da luta e do preço de Martinho Lutero! Valeu a pena.

  2. CONCLUSÃO: Se Ele não a chamava de mãe, porque na verdade não era – ela foi apenas um instrumento – , serva de DEUS para trazer seu filho ao mundo. NADA MAIS. Ela não pode fazer nada por ninguém pq ela morreu e na Biblia não fala que ela ressuscitou. O único foi JESUS e só Ele é o caminho, a verdad

  3. Interessante que JESUS não considerava Maria como sua mãe. Todas as vezes que ela se dirigia a Ele, Ele a chamava de ” MULHER”. Vejam nas “Bodas de Canã” em João 1:1-11; Mateus 12:46-50; Lucas 8:19-21; Lucas 11:27-28 e João 19, quando na cruz Ele diz: Mulher porque tu choras? CONCLUSÃO:

  4. Rafael disse:

    não se trata de sermos evangélicos ou católicos ,isto de forma alguma tem a menor importância. A vontade do Criador é a questão e sua santa Palavra é quem nos deve conduzir e o resto é conversa fiada. Me pergunto se para alguns, os santos que não foram arrebatados estão conscientes lá no céu ?

  5. sandra maria disse:

    Leiam a biblia e encotrarao o q diz respeito sobre adoracao de imagens.salmos 115, na biblia catolica e bem mais rigida no livro de Baruc cap. 6 o problema e q algumas pessoas nao leem so sabe o que os outros dizem.

Comentários encerrados.