Gospel

Vídeo ‘Por que eu odeio a religião, mas amo Jesus’ faz sucesso na web

O jovem evangelista Jefferson Bethke, publicou no dia 10 de janeiro um vídeo no YouTube intitulado “Why I Hate Religion, But Love Jesus” (Por que eu odeio a religião, mas amo Jesus). Para sua surpresa, ele se tornou o vídeo mais assistido do ano, com mais de seis bilhões de acessos.

Jefferson é membro da igreja Mars Hill Church em St. Auburn, Washington e diz que tem no coração “o desejo de levar o Evangelho de Jesus Cristo para mudar vidas”. Com uma produção simples, da CIK Productions, o pequeno relato foi dirigido por Matthew Robertson, que já produziu vários grupos cristãos de hip-hop.

O rapaz, em frente às câmeras declama sua poesia em forma de versos rimados e procura mostrar a diferença entre Jesus e a religião. Com toda a repercussão que teve o filme, acabou gerando centenas de comentários a respeito do verdadeiro significado da fé e se tornou matéria de vários sites cristãos e ateus.

A maioria dos críticos fala que Bethke usou falsos argumentos, defendendo o cristianismo(que é uma religião) tentando desacreditar a igreja, criticando-a. Foram mais de 70 mil comentários no seu canal do YouTube.

O jovem esclarece que procurou apenas expor a hipocrisia e legalismo de muitas igrejas. E acabou escrevendo em sua página do Facebook que “Se você estiver usando o meu vídeo para detonar com a ‘igreja’, tenha cuidado. Eu nunca tive a intenção de fazer isso”.

O site Gospel Prime traduziu a versão legendada do vídeo para que cada um tirasse suas próprias conclusões.

Assista ao vídeo:

 

94 comentários

  1. isac souza disse:

    jesus a perfeiçao. ele ta certo

  2. Davi Molina disse:

    Desculpa meu amigo, mas, a Igreja e a religião tem de andar juntas por que não é simplismente dizer que tem Jesus Cristo em sua vida e fazer um discurso bonito, precisa viver uma vida com ele e antes de falar essas bobagens que muitas pessoas infelizmente ainda acreditam ser tudo verdade, nossa ai como ele sabe sobre religião e sobre Jesus…eu não caio nessa e pra min você é concerteza uma pessoa que sabe muito pouco sobre quem é JESUS CRISTO SALVADOR DA HUMANIDADE!!!!!

  3. flavio bastos disse:

    o cristão pode ter sua religião,a religião é que não pode se apossar de voçe! seja livre,Jesus nos libertou das amarras. sabendo vivencia-la, a religião não fará mal.
    amém!

  4. Fernando disse:

    bem, Ele disse a Verdade!

  5. MARIA disse:

    Definir a fronteira exata entre igreja e religião é algo sutil e difícil. Na realidade, a religiosidade é uma armadilha. A igreja pertence a Cristo e é imprescindível para um cristão está inserido nela. Mas, quando se transforma isso em religião, rapidamente se perde o foco.

  6. bruna soares machado disse:

    é preciso ir a igreja ter uma fé pois é nesesario a comunhão co seu irmão mas acho que todos os servos de DEUS tem que ser liberto do espirito de religiosidade que nos empede de ser totalmente doado ao reino que não se ressume em quatro parede da igreja!!! creio em ter minha religião e não ser so a jovem com cara de crente e não servi de escandalo para a igreja ser fiel a deus dentro e fora pois somos cercados po uma nuvem de testemunhas e temos que ser luz nas trevas!!

  7. LUIS CLAUDIO OLIVEIRA DOS SANTOS disse:

    GOSTARIA DE DIZER PRA VOCÊS QUE O ESPIRITO SANTO É UMA PESSOA E ELE ESTÁ PERTO DE VOCÊ O TEMPO TODO JESUS CRISTO NOSSO SENHOR DISSE FALEM DO PAI FALEM DO FILHO MAS NÃO ENTRISTEÇAM O ESPIRITO SANTO GENTE NÃO SE IMPORTEM COM OS OUTROS DEVEMOS FAZER SOMENTE NOSSA PARTE ADORAR A DEUS ACIMA DE TUDO ESQUEÇAM ESSE NEGÓCIO DE RELIGIÃO O GRANDE DEUS É ÚNICO E PARA TODOS NÃO ESPANTEM O ESPIRITO SANTO DE PERTO DE VOCÊS.OBRIGADO E QUE DEUS ABENÇOE A TODOS AMÉM

  8. Elvis disse:

    Não podemos aceitar o pecado, temos que ser como Jesus ensinou.

  9. Antonio disse:

    Repetindo o que já disse outras vezes: Religião=segregação, fratricídio, engodo, cativeiro, etc…
    O rapaz do vídeo, conseguiu uma vitória “parcial” ao permitir-se visualizar isto, embora, tenha mantido o mesmo “roteiro original” de crenças “estranhas”.

  10. Giovanna Macêdo disse:

    Não devemos ser religiosos [seguidores da religião] , devemos ser discípulos [seguidores de Cristo Jesus] ;

  11. Giovanna Macêdo disse:

    Não devemos ser religiosos e sim discípulos !

  12. Edson disse:

    A única religião pura e imaculada é o Amor, o resto é resto.

  13. Thyago Soares disse:

    Como pode haver tanta discordância sobre um tema tão bem esclarecido por Jesus? O objetivo central desta mensagem é invalidar a ideia de que ser religioso, significa ser cristão; como se a minha santidade dependesse do maior número de normas observadas. Ao passo que a grande essência do Cristianismo é a aceitação voluntária do sacrifício de Cristo e o prazer em servi-lo, ou seja, atento para as escrituras porque amo a Deus e não o inverso. E NÃO NOS ESQUEÇAMOS: JESUS É A NOSSA IGREJA!

  14. david de castro disse:

    a Temos que diferenciar a Igreja de Cristo (com a religião igreja) são termos e temas diferentes, porque Cristo já decretor a sua quando morreu na cruz para que nós forcemos menbros da sua igreja, sem a ajuda de nenhuma religião idealizada por homens, que pensam que a sua é a correta e foi escrita em algum cadastro no céu….Precisamos só de orar e se arrepender , e seremos menbro dessa igreja….Amem!!!!!!!!!!!!

Comentários encerrados.